Segundo a Universidade de Brasília e o INSS, 40% das licenças médicas são motivadas por questões de saúde mental, no Brasil

Você sabe o que é AMP? A Atitude Mental Positiva (AMP) é definida por Napoleon Hill, pioneiro estadunidense na literatura de autoajuda, como a concretização de atitudes desenvolvidas a partir de uma mentalidade positiva.

Em outras palavras, quando você se propõe a desenvolver algo e o faz mentalizando coisas boas a respeito do feito, consequentemente, os resultados das ações serão igualmente positivos e proveitosos.

Mas vale lembrar que a atitude mental positiva só é efetivamente concretizada mediante atitudes físicas positivas. A boa vontade, o humor, um sorriso no rosto, são aspectos físicos que impactam diretamente no resultado de nossas ações.

Impacto social

Você já deve ter ouvido a máxima do filósofo suíço Jean Jacques Rosseau, que diz que todo homem nasce bom, mas a sociedade o corrompe, certo?

Veja bem, na atitude física e mental positiva, o meio também pode impactar nos resultados de nossas ações.

Muito dificilmente, um indivíduo com atitudes positivas vai conseguir sobressair com bons resultados se o ambiente e as pessoas que o cercam forem o que hoje chamamos de “tóxico”.

Se estivermos cercados de pessoas negativas, com comportamentos nocivos, em um ambiente desagradável, todos esses fatores podem interferir negativamente nos resultados das nossas ações, por mais que nossos esforços estejam voltados para o sucesso do ato.

Por outro lado, a alegria também é contagiante. Estudos publicados pelo British Medical Journal, realizado com cerca de 5 mil voluntários, constataram que amigos de pessoas felizes tendem a ser mais felizes também.

Raio da felicidade

Na mesma amostragem, através da informatização, os pesquisadores conseguiram identificar que amigos que moram cerca de 1 km do amigo feliz também demonstram 25% mais sinais de felicidade. Impressionante, não é?!

E essa felicidade pode atingir até mesmo os familiares. Irmãos de pessoas que têm amigos felizes têm 14% mais chances de serem impactados por suas atitudes positivas. 

E, qual a razão dessa alegria contagiante? Os pesquisadores não definiram um fato genérico, mas afirmam que boas expressões faciais e pensamentos positivos podem influenciar.

Trabalho

Constantemente, somos bombardeados por coaches e frases motivacionais que dizem que devemos trabalhar com o  que amamos, porque esse amor fará com que o trabalho se torne mais prazeroso.

Cá entre nós, sabemos que trabalhar com o que gosta é um privilégio e, por ser um privilégio, é alcançado por poucos.

O trabalhador médio precisa preocupar-se mais com quem e quantos dependem dos frutos do seu trabalho, do que com o quanto ele gosta do que faz.

Um estudo realizado pela Universidade de Brasília (UnB) e o INSS apontou que, em 2016, as licenças de trabalho motivadas por questões de saúde mental chegaram a quase 40% do total de licenças médicas concedidas naquele ano.

Para um ambiente de trabalho mais acolhedor, as mudanças de atitude são necessárias, para promover o bem estar social do trabalhador, mas também de seus colegas. É um dos pilares da chamada solidariedade trabalhista.

Comece o dia com uma atitude positiva, proponha-se a tornar o seu ambiente de trabalho e/ou estudos mais acolhedor, de modo que seu desempenho e de seus colegas, seja beneficiado.

Em casos extremos, busque ajuda profissional, para entender a raiz e saber lidar com as frustrações do dia-a-dia. Sua saúde mental importa!

Acompanhe nossas ideias através das redes sociais. Estamos no Instagram, LinkedIn e TikTok.

Post Relacionados

Deixar comentário.

Share This